HomeNotíciasDéficit previdenciário em SC é de R$ 2,8 bilhões e não de R$ 4,5 bilhões, afirma Bancada do PT/SC

Déficit previdenciário em SC é de R$ 2,8 bilhões e não de R$ 4,5 bilhões, afirma Bancada do PT/SC

Déficit previdenciário em SC é de R$ 2,8 bilhões e não de R$ 4,5 bilhões, afirma Bancada do PT/SC

A Bancada do PT/SC na Assembleia Legislativa contesta os números que estão sendo divulgados por parlamentares, de que o déficit da previdência estadual é de R$ 4,5 bilhões. Segundo o deputado Fabiano da Luz, líder da Bancada, com base em números disponibilizados pela Secretaria Estadual da Fazenda (SEF) do último quadrimestre de 2019, este é o valor da “despesa previdenciária” e não considera a receita, que foi de R$ 1,67 bilhão. “A diferença, portanto, entre a despesa e a receita é de R$ 2,8 bilhões. Este é o montante real do déficit”, explica o parlamentar.

Outra informação relevante, tendo como base dados disponibilizados pelo Instituto de Previdência do Estado de Santa Catarina  (Iprev), é que o salário de apenas 2.621 servidores inativos representam 21,3% do déficit de R$ 2,8 bilhões. Conforme o Iprev, 821 aposentados (1,39% do total) ganham acima de R$ 30 mil/mês. Multiplicando 821 por R$ 30 mil/mês de salário, resulta numa folha mensal de R$ 24,6 milhões. Em 13 meses, essa conta vai para R$ 320,2 milhões/ano, sem considerar um terço de férias. Outros 1.800 (3,04%) recebem entre R$ 20 e R$ 30/mil/mês. Considerando um salário médio de R$ 25 mil/mês, soma R$ 585 milhões /ano, sem contar o terço de férias. “A despesa mensal aproximada com estes inativos é de R$ 69,6 milhões e de R$ 609,6 milhões ao ano”, calcula o deputado Fabiano.

Compartilhe
Twitter
Visit Us
Follow Me
Instagram
Siga o PT
LinkedIn
Share
Sem comentários

Deixe seu comentário